Segunda-feira, 19 de Março de 2007

Paciência -Lenine

Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
		   			  Até quando o corpo pede um pouco mais de
alma

A vida não para

Enquanto o tempo acelera e pede pressa

Eu me recuso faço hora vou na valsa

A vida e tão rara
	
Enquanto todo mundo espera a cura do mal
	
E a loucura finge que isso tudo é normal

Eu finjo ter paciência
					
O mundo vai girando cada vez mais veloz
			
A gente espera do mundo   e o mundo espera de nós

Um pouco mais de paciência
					
Será que é o tempo que lhe falta pra perceber
      			
Será que temos esse tempo pra perder

E quem quer saber 
	      	
A vida é tão rara(Tão rara)
					
Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
			
Mesmo quando o corpo pede um pouco mais de alma
		
Eu sei, a vida não para(a vida não para não)

(Solo - piano - 17seg)

Será que é tempo que me falta pra perceber

Será que temos esse tempo pra perder 
       
E quem quer saber
	
A vida é tão rara(tão rara)

Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma 
	
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma
	
Eu sei,a vida não para(a vida não para não...a vida
não para)
música: paciência

publicado por daidjc às 22:41
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.tags

. todas as tags

.posts recentes

. A vida é

. Amigos!!!!

. Velha infancia - Tribalis...

. Lei do Mundo.

. Para Refletir....

. O Trem da Vida.

. " ROSA DE HIROSHIMA"

. "Eu hoje joguei tanta coi...

. Se você

. Quase.

.links

SAPO Blogs

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds